SANTO AFONSO É MOTIVAÇÃO


Você está em - Home - Entrevistas - SANTO AFONSO É MOTIVAÇÃO

O entrevistado é o frater João Ednelson Luz, natural de Belém do Pará, hoje estudante do 2º ano de teologia em Londrina (PR). Pertencente à Província Redentorista de Porto Alegre, iniciou sua caminhada no Santuário Mãe do Perpétuo Socorro em Belém, onde ingressou no propedêutico. No ano seguinte cursou filosofia na PUCRS. Fez seu noviciado em Tietê (SP) no ano 2014, professando em janeiro de 2015 os votos temporários.

Confira a entrevista ao Evocacionado feita pelo seminarista Genildo Júnior.

Evocacionado: Frater, como conheceu a congregação?

Fr. João: Desde a minha infância eu já participava da missa com crianças na paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro em Belém, inclusive sou batizado por um missionário redentorista pe Raimundo Vidigal, e fiz a minha 1ª eucaristia com outro pe Antonio Zanini, passei a ter um  contato mais próximo com os redentoristas quando comecei a atuar na comunidade Santíssimo Redentor no bairro do barreiro em Belém do Pará no ano de 1994.

E: Quais as motivações para ser um Missionário Redentorista?

F: A vida e história de santo Afonso é uma motivação muito forte pela minha opção em deixar tudo para seguir o redentor, na comunidade eu participava de muitos grupos, pastorais e serviço na comunidade, entre elas ministro extraordinário da Eucaristia, pastoral do menor e da criança, todas essas muito ligadas com o povo mais humilde, quando conheci a história do fundador da congregação redentorista me senti provocado a me doar mais no serviço do Reino.

E: Quais os principais desafios da caminhada vocacional?

F: O principal e mais difícil e está longe da família, fatores climáticos as vezes se tornam um peso na caminhada, mais sei que o seguimento ao redentor é difícil e exige certos sacrifícios.

E: Quais suas principais experiências já vividas?

F: A experiência em morar e conviver com confrades de outras províncias é muito enriquecedor, o fato de morar em duas províncias diferentes a de São Paulo e agora a de Campo Grande. O fato de sair do norte do Brasil, também me ajudou a deixar minhas seguranças, e acreditar na providencia divina, participem de algumas missões redentoristas, que me ajudaram a melhor discernir a minha vocação entre outras.

E: Como um jovem pode discernir sua vocação?

F: O jovem precisa ter fé principalmente acreditar na providencia divina, e está convicto do que quer, deixar-se envolver pela espiritualidade e carisma redentorista, tendo isso a caminhada fica mais fácil.

E: Qual a mensagem para os vocacionados redentoristas?

F: Jovem venha fazer parte dessa família, venha seguir os passos do redentor e ajudar a continuar a construir o Reino de Deus, anunciando a Boa Nova aos pobres, a verdadeira felicidade consiste em amar a Deus todos os dias.